Skip to main content

Urbanização e transição da fecundidade

Working paper
10653PIIED
Idioma:

As transições urbana e demográfica são dois fenômenos fundamentais da modernidade e acontecem de forma sincrônica. Até o ano de 1800, quando a população mundial estava em torno de 1 bilhão de habitantes, o percentual de pessoas vivendo em cidades não passava de 5%, enquanto as taxas de mortalidade e natalidade eram muito elevadas. Segundo Angus Maddison, a esperança de vida ao nascer nos países ocidentais (Europa Ocidental, Estados Unidos e Canadá) estava em 36 anos em 1820 e 46 anos em 1900. No resto do mundo a esperança de vida ao nascer era de 24 anos em 1820 e 26 anos em 1900. A grande queda das taxas de mortalidade só ocorreu a partir do século XX.

Published:
ISBN:
9781784310288
Product code:
10653IIED